Foi contenção de despesas ou questão de prioridade?

11:44:00



No dia de ontem(21), o Ex-diretor de cultura Moacir Muller Gomes, postou em seu perfil na rede social Facebook uma nota de esclarecimento falando a respeito de sua exoneração do cargo que ocupava na atual administração. Lembrando que Moacir era secretário adjunto da secretaria de Educação e Cultura e a titular desse cargo era Precila Saquett que não atuou na área cultural.

Observando a troca e admissão de Ccs que acorreram ultimamente, percebesse que não seria uma questão de contenção de despesas a exoneração e sim de prioridades de uma área em detrimento de outra, pois a poucos dias foi admitido o secretario de industria e comercio com um vencimento salarial muito superior ao que o diretor recebia.


Veja logo abaixo a nota de esclarecimento postada por Moacir Gomes em seu perfil no Facebook:


  • Após vários questionamentos sobre minha exoneração do cargo que exercia junto ao Departamento de Cultura do município, queria esclarecer que tal fato se deu por contenção de despesas e não por ineficiência.
  • No meu caso específico, entendo que não cabe a mim questionar este ou aquele CC que saiu ou permaneceu, pois sei do trabalho que vinha fazendo com todo o entusiasmo e dedicação. Como cidadão me sentia muito lisonjeado em poder contribuir com meus conterrâneos, pois vivo nesta cidade há 46 anos, e sempre acalentei este sonho de um dia estar efetivamente ajudando no crescimento cultural das pessoas, levando alegria e expandindo os olhares através da arte e da cultura.
  • Sempre fui e continuarei sendo uma pessoa simples, não deixando de forma alguma este ou aquele cargo me subir a cabeça. Respeito a todos independentemente de partido ou credo que for, princípios que sempre trouxe e que levarei sempre comigo.
  • Agradeço pelos 8 meses que estive na administração; ao prefeito Paulinho Salbego minha admiração e respeito. Tenho a certeza do seu comprometimento com o nosso município, que logo estará voltando a ter uma melhora nas finanças e consequentemente melhorando a condição de todos nós assisenses.

LEIA TAMBÉM

0 comentários

Subscribe