O FUNCIONÁRIO PAULO LEMES (PAULÃO) É ALVO DE SINDICÂNCIA ADMINISTRATIVA DISCIPLINAR NA PREFEITURA




O funcionário da prefeitura municipal e também vereador Paulo Assis Alfonso Lemes (Paulão) está sendo acusado pelo prefeito Rubemar Salbego de ter cometido falta funcional ao adentrar no imóvel onde se localiza a secretária de obras e saneamento, no dia 15 de dezembro de 2017, após o horário de expediente, sem autorização. O fato em tela foi no dia em que ele (Paulão) juntamente com o vereador Wallao denunciaram sérias irregularidades em uma patrola particular que estava a serviço da prefeitura, que havia recebido pneus da prefeitura com números de registro no patrimônio, raspados.


Paulão é alvo de um processo administrativo (portaria nº 101/2018) por supostamente ter entrado fora do horário de expediente, no local onde atuou a maior parte do tempo em que trabalhou na secretaria de obras do município.


Ficam os questionamentos:


Não estaria o vereador Paulão sofrendo perseguição e constrangimento para não realizar seu trabalho de fiscalização, num caso de possíveis e sérias irregularidades na secretaria de obras do município?


Por que o prefeito não atuou da mesma forma no "caso da funcionária" que foi parar na delegacia de policia, afastando do cargo o secretário da pasta que está diretamente envolvido nas denúncias?
Tecnologia do Blogger.