ATLETAS DE SÃO FRANCISCO DE ASSIS SUPERAM A PRIMEIRA VOLTA DO RS EM MTB



Nesse final de semana, durante os dias 31/10, 1 e 2/11 aconteceu na localidade de Vale Vêneto, distrito de São João do Polêsine na região da 4ª Colônia, a I Volta do RS em mountain bike. Evento de ciclismo em uma modalidade pouco disputada na região, trazendo atletas de varias partes do estado e SC, foi a primeira prova de maratona a ter vários dias de competição, 3 etapas no total.

No primeiro dia os atletas disputaram uma etapa (prólogo) de pouco mais de 20km, uma prova rápida, com apenas uma subida mais forte onde não se permitia perder tempo descansando, afinal, qualquer segundo conta no resultado do terceiro dia.

Já no segundo dia tudo prometia que o atletas teriam que se superar fisicamente. A etapa “Rainha”, como é chamada as etapas mais dura das competições fez jus ao seu nome.

Um trajeto de 73km para os profissionais e 65km para atletas Sport (amadores), contou com uma altimetria acumulada de mais de 1.400m, incluindo trechos de estradão de terra e trilhas onde em alguns trechos mais técnicos desafiaram os atletas a se manter sobre as bikes. Não bastando a etapa ser duríssima, ainda restava a última etapa no dia seguinte.

Essa etapa, mais curta, mas nem de longe “leve”, tinha 40km e apenas uma subida forte de 4,5km de extensão. Foi o dia de provar o gostinho da superação, esquecer das dores e gastar o último suspiro de energias para completar a prova e por fim ainda tentar tirar aqueles segundos de desvantagem sobre os adversários.

São Francisco de Assis teve 3 atletas representando a Equipe Legião do Pedal no evento, Pablo Ebani e Felipe Witt disputaram nas duplas sport masculino, ficando na terceira colocação geral. E Vander Vargas disputou a Sport masculino, onde chegou na 5ª colocado na geral.


Mas nem tudo isso é competição, foi uma experiência única do ciclismo gaúcho, um desafio pessoal para maioria dos atletas que pedalam pelo prazer do esporte, independente do resultado, todos vitoriosos de ter completado os 3 dias de prova, foram horas no selim, cerca de 120km, mais de 3000 metros de altimetria acumulada, isso equivale a 2/5 da altitude do Everest. Todos vitoriosos de experimentar o verdadeiro MTB, pra todos os gostos, terrenos e desafios.

Tecnologia do Blogger.