Ministério da Saúde libera recursos para tratamento de pacientes renais

16:57:00




Os pacientes renais podem contar com o reforço para a realização do tratamento de diálise e hemodiálise no SUS (Sistema Único de Saúde). O Ministério da Saúde liberou R$ 109,5 milhões aos Estados e municípios direcionado aos 800 estabelecimentos que prestam serviços à rede pública para custear as despesas extras necessárias no combate a Covid-19, considerando as particularidades do cuidado com os pacientes renais crônicos.


O aporte foi oficializado por meio da portaria 3.822, publicada no Diário Oficial da União. O recurso irá para cobrir os custos adicionais do tratamento dos doentes renais crônicos suspeitos ou infectados com Covid-19, cumprindo as medidas de prevenção e controle que devem ser adotadas, tendo por base a recomendação da Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária).


O protocolo reúne uma série de cuidados para evitar contaminação durante as sessões de diálise e hemodiálise. O objetivo é propiciar o tratamento adequado à população dialítica, já considerada de alto risco e constituída em grande parte por pacientes diabéticos e com outras comorbidades que precisam manter o tratamento continuado.


Entre as medidas que precisam ser adotadas estão a aquisição de EPI (equipamentos de proteção individual), a criação de local próprio de isolamento para pacientes infectados pela Covid-19 nas unidades de diálise e a abolição do reuso nos casos de pacientes infectados confirmados com coronavírus.


A portaria atende, ainda, o pleito de diversas entidades como a ABCDT (Associação Brasileira dos Centros de Diálise e Transplante) e SBN (Sociedade Brasileira de Nefrologia). A pasta garante no documento que o Fundo Nacional de Saúde adotará as medidas necessárias para a transferência do montante aos Fundos Estaduais e Municipais de Saúde, em parcela única, mediante processo autorizativo encaminhado pela Secretaria de Atenção Especializada à Saúde.


Após ter um aumento de 20% a 25% mensais durante a pandemia, as clínicas de diálise buscaram um diálogo com o poder público para continuar o tratamento da Terapia Renal Substitutiva aos mais de 130 mil brasileiros com doença renal crônica, que dependem do tratamento para sobreviver, reduzindo risco de novas contaminações.


Pacientes de hemodiálise com suspeita ou confirmação da Covid-19 terão a assistência garantida durante a emergência de saúde pública decorrente do coronavírus. O Ministério da Saúde informou que está trabalhando desde o início da pandemia para liberar recursos adicionais aos gestores locais e para incluir na tabela do SUS, procedimentos referentes aos cuidados com os pacientes renais, como a realização das sessões de hemodiálise.

-------------------------------------------------------------


 COMPRAR PELA INTERNET ALÉM DE FÁCIL É MAIS BARATO

Vou deixar abaixo os links de produtos que indicamos com descontos que valem apena.


- Celulares e Smartphones com os melhores preços.

- Produtos de Beleza em Oferta

- Roupas, Calçados e Acessórios da Moda







LEIA TAMBÉM

0 Comments